Siga-nos as redes sociais

Vereadores de Manaus deliberam sobre Projeto que combate cyberbullying

Está sendo discutido na Câmara Municipal de Manaus (CMM), o Projeto de Lei n⁰. 593/ 2021, de autoria do vereador Peixoto, líder do Pros na Casa. O PL institui o dia 3 de agosto como o “Dia de conscientização e combate ao Cyberbullying”, com o objetivo de conscientização, prevenção e combate à prática do crime.

O projeto foi deliberado durante o pequeno expediente da Casa, na última quarta-feira (15), e recebeu parecer favorável dos vereadores. Para o autor do projeto, a ideia é popularizar o termo que, apesar de ter ganhado destaque, ainda faz-se necessário ampliar o debate e, assim, impulsionar uma maior conscientização.

“O cyberbullying é real, é perigoso, gera efeitos graves às vítimas e necessita ser falado entre crianças e adolescentes e entre os pais. É necessário combater e só através do conhecimento é possível identificar o ato do crime e, em especial, ajudar quem está sendo vítima”, justifica Peixoto.

Foto: Emerson Olliver



Uma pesquisa realizada pela Microsoft demonstrou que 43% dos brasileiros já se envolveram com a prática de bullying pela internet. Já o Instituto de Pesquisa Ipsos aponta que o Brasil é o 2º país com mais casos de cyberbullying contra crianças e adolescentes. Especialistas indicam a educação e conscientização do fato como formas de trabalhar vítimas e agressores e assim combater a prática de tal crime.  

“A internet é, sem dúvida, uma das tecnologias mais interessantes e que é aliada ao trabalho e à educação, mas assim como tudo, sem controle ou em excesso, pode trazer consequências desastrosas. E como parlamentar, como representante do povo, o que posso fazer para contribuir com a melhora da sociedade é propor leis de conscientização e combate. Esta é a ideia do projeto”, enfatiza o vereador.

Com a aprovação em plenário, o PL segue agora para a 4ª Comissão de Educação.

Sobre Cyberbullying

O Cyberbullying é o uso de tecnologias de informação e comunicação para dar apoio a comportamentos deliberados, repetidos e hostis praticados por um indivíduo ou um grupo, com a intenção de prejudicar, intimidar, agredir, causar dor, angústia ou humilhação à vítima.

A incidência maior de casos de cyberbullying ocorre entre os adolescentes, porém há um número considerável de jovens adultos que utilizam essa prática criminosa.