Prefeitura realiza seletiva de futsal para os Jogos Escolares do Amazonas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Aproximadamente 500 alunos, do 6º ao 9º ano do ensino fundamental de escolas da Prefeitura de Manaus, participaram nesta sexta-feira (10), da seletiva municipal de futsal para os Jogos Escolares do Amazonas (JEAS). Os jogos envolveram 18 unidades de ensino de todas as regiões da cidade nas categorias infantil e juvenil masculino, em tempo integral no ginásio de esportes da minivila olímpica do Coroado, zona Leste da cidade. Ao final, foram destinadas quatro vagas no infantil e duas no juvenil.

De acordo com coordenador de esporte da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Ronaldo Barreto, a seletiva é muito mais do que uma chance para os alunos participarem de jogos, mas também reflete o trabalho realizado pelos professores de educação física com os alunos da rede.

“A seletiva é uma oportunidade que damos aos nossos alunos de mostrar aquilo que eles têm aprendido no esporte praticado na escola, aprendido com os professores de educação física. O esporte é uma ferramenta fundamental para que a gente venha contribuir na formação geral do aluno. Ajuda na disciplina, no cumprimento de horários, no respeito e nos valores que o esporte proporciona”, disse.

A escola municipal Paulo Freire, localizada no igarapé do Tarumã Mirim, na zona ribeirinha, participou pela primeira vez da seletiva na categoria juvenil. Para o professor de educação física, Yuri Paiva, responsável pelo time, a escola busca a vaga também nessa modalidade, uma vez que já participou dos jogos no xadrez e atletismo.

“É de suma importância, eles têm muito interesse de participar, porque é uma forma se sentirem incluídos, devido ser uma comunidade distante dos grandes centros, apesar de estarmos inseridos no contexto de Manaus. A vontade deles é muito importante, a gente faz esse sacrifício de sair de manhã cedo de barco para depois pegar o ônibus para jogar”, afirmou.

Com passagem pela base do Manaus e atualmente na equipe Sub-17 do São Raimundo, o aluno do 8º ano, Davi Ferreira, 15, da escola municipal Magnólia Frota, conjunto Renato Souza Pinto, bairro Cidade Nova, zona Norte, é a grande referência do time juvenil. Para ele, é uma satisfação defender a escola na seletiva.

“É muito importante participar. Para quem tem o sonho de ser jogador é uma boa oportunidade, e também para quem está começando a realizar seus sonhos. Nosso professor é uma pessoa incrível, que trabalha junto com a gente e temos que agradecer tudo isso a ele”, disse.