Produção Thaís Gama e narração Álex Ferreira

Fundada em 24 de novembro de 1948 pelo jornalista Josué Cláudio de Souza, a Rádio Difusora do Amazonas é reconhecida pelo jornalismo, pela cobertura esportiva e pela transmissão de eventos culturais do estado.

A emissora ao longo dos anos mantém o primeiro lugar em audiência em território estadual. São 74 anos de história. Muitos foram acordados com duas vozes marcantes do rádio amazonense, e ainda com o eco das notícias e furos de reportagens.

Paulo Guerra apresenta o Jornal da Manhã há mais de 50 anos. (Ouça)

Há quase 40 anos, Eduardo Silva divide a bancada do rádiojornal de maior audiência do Amazonas. Ele fala da evolução tecnológica que aproxima os radialistas do ouvinte. (Ouça)

Tradicionalmente, muitos jornalistas se baseiam das notícias do Jornal da Manhã, que tem o
papel de levar as primeiras informações do dia à população, para produzir seus conteúdos.

A emissora de rádio mais consolidada do Amazonas completa mais de sete décadas de compromisso com a verdade e serviço à população, como ressalta Valdir Correia, o Garotinho. (Ouça)

Com tradição na programação e um noticioso com o mesmo tempo de existência, a emissora carrega uma lista infinita de profissionais gigantes da comunicação amazonense como Josué Filho, Edson Mello, F Cavalcante, Jurandir Vieira, Fred Lobão, Roberto Cuesta, Alberto Pelegrini, Geraldo Campelo, Elieide Menezes e muitos outros.

Além disso, a velha guarda divide os microfones com jovens comunicadores como os irmãos Daniel e André Anzoategui, Fabrício Nascimento, Larissa Baileiro, Thaís Gama, Itamar Jardina e Álex Ferreira.

A essência é a mesma há 74 anos, com uma nova Difusora, agora voltada a era das redes sociais, um novo público, uma nova geração de ouvintes que se junta à emissora que planta amor e colhe amigos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *