Siga-nos as redes sociais

Siga-nos nas redes sociais

Assassinos de Julieta Martínez são transferidos para presídios em Manaus

O casal que confessou assassinar a artista venezuelana Julieta Inêz Hernández, no interior do Amazonas, é transferido para presídios em Manaus.

Thiago Agles da Silva e Deliomara dos Anjos Santos estavam presos no município de Presidente Figueiredo e foram transferidos nesse sábado (13). Eles confessaram ter praticado o crime e tiveram a prisão preventiva decretada pela Justiça.

Os dois respondem por latrocínio, estupro e ocultação de cadáver.

Julieta Martínez, de 38 anos, percorria o país em uma bicicleta e estava de passagem pelo Amazonas a caminho da Venezuela.

Ela foi estuprada, estrangulada, queimada e enterrada em uma área de mata na cidade de Presidente Figueiredo, na semana passada.

A motivação do crime teria sido um celular que Julieta tinha.

O corpo da venezuelana Julieta Martínez foi levado para Puerto Ordaz, na Venezuela, na última sexta-feira, dia 12.

Da redação.