Amazonense de Judô reúne mais de 500 lutadores na Arena Amadeu Teixeira

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

Judocas de todas as idades movimentaram os tatames da Arena Amadeu Poliesportiva Amadeu Teixeira pela 2° Etapa do Campeonato Amazonense de Judô. A competição organizada pela Federação de Judô do Amazonas com o apoio do Governo do Estado, por meio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar), ocorreu durante todo o sábado (20) com a participação de aproximadamente 580 competidores.

A mais importante competição de Judô amazonense contou com representantes de Manaus e dos municípios de Carauari, Tabatinga, São Gabriel da Cachoeira e Manacapuru. “Parabéns à Fejama pelo grande evento realizado no Amadeu Teixeira. Muita alegria em reencontrar projetos e lutadores que conhecemos durante as visitas das equipes técnicas da Faar aos municípios, e que hoje estão aqui competindo em alto nível” ressaltou o diretor-presidente da Faar, Jorge Oliveira.

No resultado geral por equipes, o primeiro lugar ficou com a Associação Comunitária de Pais e Alunos de Judô do Amazonas (Acopajam), seguida pelo Clube Administrativo Esporte e Cultura (Caec/Kaizen) e, em terceiro lugar, a Associação Esportiva Lassalista.

A 2° Etapa do Campeonato Amazonense também definiu os melhores judocas do ano de 2021, somando-se aos resultados da primeira etapa, realizada em setembro. “Com o apoio do Governo do Estado, através da Faar, que nos cedeu a Arena, essa parceria faz com que a Federação faça um evento bonito como está sendo realizado hoje”, apontou o presidente da Fejama, David Azevedo.

Jovem destaque – Kauan Guilherme, de 7 anos, saiu de São Gabriel da Cachoeira da Cachoeira (a 852 quilômetros da capital) e levou o ouro da categoria sub-9 com o ippon mais rápido da competição. O pequeno judoca precisou de apenas 5 segundos para vencer a final.

“Cheguei no tatame e ele veio correndo para cima de mim, puxei o kimono dele e puxei ele para as minhas costas. Ele caiu ‘de ippon’. Nisso, eu fiquei muito alegre. Já sabia que eu ia ser campeão”, explicou o jovem lutador.

Protocolo – Os eventos realizados nas praças esportivas administradas pelo Governo do Amazonas, por meio da Faar, com e sem a presença de público, seguem os protocolos de combate à Covid-19 definidos pela Portaria n° 176/2021, como a manutenção do distanciamento social e uso frequente de máscara.

Da Assessoria